Uncategorized

Resgate de investimentos antigos

Muitas pessoas deparam-se com documentos antigos que comprovam a aplicação de recursos em instituições bancárias que, muitas vezes, não existem mais e não se empenham para efetuar o resgate de tais investimentos – o que, nem de longe, é aconselhável.

Segundo Geraldo Magella, “Em 1939, o carioca Hermann David abriu uma conta de depósito popular, como era chamada a caderneta de poupança, na antiga Caixa Econômica de Depósitos, no Rio de Janeiro. O tempo passou, o banco mudou de nome – virou Caixa Econômica Federal (CEF) – e David se esqueceu da conta. Há três anos, remexendo nas gavetas de casa, encontrou a antiga caderneta. A última atualização, de 1941, indicava um saldo de 110 mil réis. Com o documento na mão, David, hoje aposentado e com 80 anos, procurou uma agência da Caixa para saber qual o saldo atual. Pelas contas da CEF, o correntista teria R$ 9,40 a receber. Indignado, David entrou com uma ação contra o banco, reclamando os juros e a correção monetária de sua aplicação ao longo de mais de 60 anos. Há três semanas veio a sentença do juiz Luiz Paulo da Silva Araújo Filho, da 26ª Vara Federal do Rio: a Caixa será obrigada a devolver ao aposentado o dinheiro com “juros compensatórios e remuneratórios”. Uma quantia que poderá chegar a R$ 1 milhão, calcula o advogado Fabio Kozlowsky, do escritório Gomes e Baraldi Advogados Associados. A Caixa já recorreu da sentença no Tribunal Regional Federal do Rio, mas Kozlowsky acredita que a decisão será mantida. “Acho que ação ainda levará uns quatro anos para ser paga, pois a Caixa deverá recorrer às últimas instâncias”, diz o advogado. “O importante, porém, é a decisão de que o investimento feito em uma caderneta de poupança, por mais antigo que seja, não prescreve”.

Também esquecido é o Fundo 157. O resgate dos valores, nesse caso, é feito diretamente na instituição financeira que administra a aplicação. Esse papeis são remunerados apenas com os dividendos e com sua própria valorização, se houver. Assim, em regra, não há necessidade de ingressar com pedido judicial.

Colocamo-nos à disposição para maiores esclarecimentos, inclusive pesquisa sobre eventual existência de aplicação.

2 thoughts on “Resgate de investimentos antigos

  1. legal, vamos ver o q fzemos pra q possamos receber o meu caso e que meu avo ganhou o premio mas morreu no outro dia… o juiz da epoca nao deixou minha vo retirar dinheiro e fez um inventario com cinco cadernetas de poupanca com a premiacao dividida entre os cincos irmaos….. a irma mais velha completou 18 anos mesmo assim o juiz nao autorizou ate hoje este dinheiro esta na conta e as cadernetas nos inventarios faz aproximadamente 60 anos…… eu como filho de um dos donos de uma das cadernetas queria entra com processo junto ao estado contra o juiz da epoca e requerer junto a caixa o valor com correcao ja que ficamos impedidos de retirar o valor ate os dias atuais

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s